Nossa História

Em meados de 1980 Eleazar Garbelotto, participa em Florianópolis como membro do extinto MEL (movimento ecológico livre), grupo responsável pela criação de uma consciência ambiental bem como criação de áreas de proteção (ex . Parque municipal da lagoa do Peri).  Em 1985  juntamente com amigos surfistas cria a Associação de Surf da praia do Campeche, uma das primeiras entidades de surf a ter uma preocupação de conscientização e preservação ambiental,  e que nos deixou de herança  uma das poucas  áreas  de dunas preservadas em Floripa, que vai do Campeche até a praia da Joaquina.

Formado em Edificações e Desenho de Arquitetura pela ETFESC.
Desde 1988 (Fundação da TDA) trabalha com Ecoturismo.
Elaborou diversos programas que hoje estão consagrados no turismo de aventura em Santa Catarina
(Ilha do Campeche,  Canoagem na Lagoa do Peri, Caverna de Botuverá , Trekkings no parque do Tabuleiro, Rafting no Vale das Termas , etc...).
Monitor de diversos hotéis e colégios da grande Florianópolis em trabalhos de educação ambiental e passeios ecológicos.
Atualmente desenvolve atividades Ecoturísticas no Vale das Termas ( é membro do comite de gerenciamento do rio Cubatão do Sul),  local que já é considerado o novo pólo para o turismo de ação do sul do Brasil .


Base de Operações TDA

Press Release

 

Nossa Equipe

A TDA participa dos programas de aperfeiçoamento e gestão de segurança do Aventura Segura, iniciativa do Ministério do Turismo - Governo Federal, em parceria com a ABETA e SEBRAE.
Nossa equipe de guias tem conhecimentos específicos das atividades e locais de operação com larga experiência no ramo da Aventura.

 

Rafting no Vale das Termas (origem)

Na grande Florianópolis o Rafting é praticado em Santo Amaro da Imperatriz , distante a 30 km de Floripa , este belo município possui aproximadamente 14.000 habitantes, é cortada pelo Rio Cubatão do Sul. O Rafting iniciou-se neste local em maio de 1999, nesta época a Trekking das Águas, operadora de eco-turismo que já operava o Rafting, em parceria com outras operadoras, desde 1994, e que já havia adaptado o Rafting para ser realizado no mar, o divertidíssimo Surf Rafting , procurava um rio próximo a Ilha da Magia, para a prática desta modalidade turístico-esportiva.
O Rio Cubatão limita o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro pela borda norte, apresentando 20 Km de percurso para navegação em corredeiras, com níveis de dificuldade de 1 a 4 (ver classes). O Rafting no Vale das Termas caracteriza-se pela beleza do cenário e a navegação bem técnica (muita ação e diversão) em suas corredeiras .

Após esta constatação, e a verificação em relação às vias de acesso, estrutura de hospedagem e alimentação, a Trekking das Águas lançou, comercialmente, em uma atitude corajosa e pioneira, contra todas as adversidades e opiniões negativas, o Rafting no Rio Cubatão do Sul.  As operadoras se multiplicaram,  seguindo alguns dos roteiros criados pela Trekking das Águas.
Contando com guias competentes e experientes a TDA segue seu caminho e hoje tenta, em contrapartida a tudo que já recebeu e continua recebendo do Vale das Termas e em específico do Rio Cubatão do Sul, fazer sua parte social apoiando, incentivando e criando projetos de Educação Ambiental!

Graças ao Rafting hoje a região ganhou novo impulso no referente às atividades turísticas (são aproximadamente 3.000 praticantes anuais) e o mais importante é que com a prática desta atividade a comunidade da Bacia do Rio Cubatão, que abastece com suas águas aproximadamente 1 milhão de pessoas, esta aprendendo a valorizar este patrimônio único, frágil e sem igual.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


QUEM SOMOS

 

*conheça a TDA*

 

 

A Trekking das Águas opera desde 1988. TDA é uma abreviação deste nome.